12 junho, 2018

Dia do Namorados - Brasil - Quem Sabe um Dia !



Quem Sabe um Dia

Quem sabe um dia
Quem sabe um seremos
Quem sabe um viveremos
Quem sabe um morreremos!

Quem é que
Quem é macho
Quem é fêmea
Quem é humano, apenas!

Sabe amar
Sabe de mim e de si
Sabe de nós
Sabe ser um!

Um dia
Um mês
Um ano
Um(a) vida!

Text: Mario Quintana

11 junho, 2018

Quando me amei de verdade .





Quando me amei de verdade .

Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato.

E então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome... Auto-estima.

Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso é...Autenticidade.

Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de... Amadurecimento.

Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é... Respeito.

Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.
Hoje sei que se chama... Amor-próprio.

Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro.
Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.
Hoje sei que isso é... Simplicidade.

Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei muitas menos vezes.
Hoje descobri a... Humildade.

Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.
Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é... Plenitude.

Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é... Saber viver!


Text : Kim e Alison McMillen

23 maio, 2018

O AMOR É O MELHOR CICATRIZANTE DO MUNDO !





O AMOR É O MELHOR CICATRIZANTE DO MUNDO!


Dói quando a gente se engana com alguém, quando a vida diz não, quando perdemos as pessoas. 

Dor física a gente combate com analgésico, dor da alma a gente cura com amor.

Existem vários tipos de dores, de ferimentos e de machucados. Há dores que vêm de fora, há dores que vêm de dentro.

Fato é que as dores invisíveis, muitas vezes, serão muito mais fortes e duradouras do que as dores físicas, porque elas envolvem emoções, sentimento, lembranças, culpa, remorso e decepção.

Dói quando a gente se engana com alguém que se mostra, com o tempo, como uma pessoa totalmente oposta ao que esperávamos.

Pior é que, enquanto o outro ainda finge ser quem não é, a gente se abre e compartilha tudo, a gente se abre e se doa.

Então, de repente, o outro usa contra nós tudo aquilo que lhe oferecemos, distorcidamente, cruelmente, covardemente. 
Dói.

Dói quando a vida diz não, quando os sonhos se apequenam, quando a vida não dá certo.

A gente estuda e se prepara e não passa no vestibular ou no tão sonhado concurso.

A gente atravessa as etapas de uma seleção de emprego até o fim e não é chamada.

A gente idealiza planos para os filhos e eles caminham do lado contrário. Tanta coisa não dá certo, tantos imprevistos – muitos deles desagradáveis.
Dói.

Dói quando o relacionamento amoroso não dá certo, quando o rompimento é a única saída de uma situação que não mais se suporta.

 Todos queremos que a vida a dois dê certo, porque nos esforçamos, suamos e nos dedicamos ao outro com verdade e inteireza.

Daí o retorno não vem, os olhos fitam o vazio de uma entrega sem sentido, desvalorizada e unilateral.
Dignidade nula, sentindo-nos um nada, resta-nos partir.
Dói.

Dói perder pessoas; a alma se fere com a ausência de quem tanto amávamos. Vivemos e vamos acumulando gente que chega e gente que se vai.

Por mais que saibamos da finitude da vida, parece que nunca estamos preparados para enfrentar a dor do luto, por nossos queridos, por nossos animaizinhos de estimação, enfim, por todos aqueles cuja presença deixava o dia mais bonito.
Dói.

Nesses momentos, teremos que enfrentar muita escuridão e desesperança de forma solitária, no sentido de que se trata de uma jornada muito íntima e pessoal.

Ainda assim, olhar para o lado e sentir o amor de quem sempre esteve ali do nosso lado e sempre estará, com acolhimento verdadeiro e afeição sincera, será essencial na cicatrização de nossas feridas emocionais.
Porque não há nada que possua o poder de cura que o amor irradia.

Dor física a gente combate com analgésico, dor da alma a gente cura com amor.
Sempre o amor.

19 maio, 2018

Royal Wedding In Pictures of Prince Harry and Meghan Markle - 19 May 2018 at Windsor Castle in the United Kingdom




Queen Elizabeth II, conferred upon him the title of Duke of Sussex and upon Markle the title of Her Royal Highness The Duchess of Sussex, effective on marriage






Queen Mary's diamond bandeau tiara, which was made in 1932.With a center brooch of 10 diamonds dating back to 1893, features a band of 11 sections of diamonds and platinum.









16 maio, 2018

Sentir-se mal ou triste não te torna mais fraco e sim mais humano !




Sentir-se mal ou triste não te torna mais fraco e sim mais humano.


O sofrimento não deve ser temido e sim encarado, sentido, vivenciado, para que o entendamos e consigamos conviver com ele, superando-o aos poucos.

Existe uma mania de as pessoas quererem parecer fortes o tempo todo, como se tristeza fosse fraqueza, como se não pudéssemos nos sentir mal de vez em quando.

Não somos obrigados a sorrir o tempo todo, isso não existe, ninguém consegue ser feliz desde o amanhecer ao anoitecer.

O dia é carregado de surpresas, que nem sempre são boas. Além disso, a gente também fica amuado sem uma razão específica.

Há dias em que a gente acorda mais cabisbaixo, sem ânimo, sem nem saber o porquê daquilo que se sente.

Talvez acumulemos tantas decepções e dissabores ao longo de nossa jornada, que chega uma hora em que tudo acaba pesando.

Trata-se de uma questão de sobrevivência emocional, pois, caso deixássemos enterrado o que entristece, sem enfrentar e sentir aquilo alguma vez na vida, muito provavelmente iríamos explodir e implodir em algum momento.

Isso ainda fica pior em meio a essa ditadura da felicidade que os meios midiáticos e as redes sociais nos impõem, através de propagandas que atrelam a felicidade ao consumo desenfreado e de postagens de gente feliz, rica, bonita e viajada.

Então, como nos é praticamente impossível alcançar aquele patamar material exorbitante veiculado diariamente, acabamos, muitas vezes, sentindo-nos menos capazes, menos afortunados.

Sem contar o tanto de batalhas que cada um de nós enfrenta nessa lida cotidiana.

Não adianta, não há pílula, viagem, roupa ou smartphone capaz de afastar de nós a tristeza, a não ser o enfrentamento do que nos abala, para que reelaboremos, dentro de nós, os sentimentos e os afetos que nos constituem a essência.

O sofrimento não deve ser temido e sim encarado, sentido, vivenciado, para que o entendamos e consigamos conviver com ele, superando-o aos poucos.

É assim que ele nos transforma, tornando-nos mais fortes e seguros quanto ao que necessitamos para continuar prosseguindo.

Às vezes, você pode ficar triste, sim, pode se sentir mal, desanimado e sem vontade de ver ninguém.

Mergulhar na tristeza, sem demora exagerada, traz entendimento e liberta, reorganizando os sentimentos, de maneira a nos trazer de volta a luz da esperança.

Ninguém é fraco por se sentir triste algumas vezes; trata-se, simplesmente, de uma de nossas características humanas. 

Não podemos nos demorar na tristeza, mas é essencial vivenciá-la, quando necessário, para que não acumulemos pesos inúteis em meio à esperança que nos motiva diariamente.


Text: Marcel Camargo

04 maio, 2018

Zygmunt Bauman - Vivemos tempos líquidos. Nada é para durar !




Zygmunt Bauman: Vivemos tempos líquidos. Nada é para durar!


O sociólogo polonês Zygmunt Bauman é um dos intelectuais mais respeitados da atualidade. Aos 87 anos, seus livros venderam mais de 200 mil cópias. Um resultado e tanto para um teórico. Entre eles, “Amor liquido” é talvez o livro mais popular de Bauman no Brasil.

 É neste livro que o autor expõe sua análise de maneira mais simples e próxima do cotidiano, analisando as relações amorosas e algumas particularidades da “modernidade líquida”.

Vivemos tempos líquidos, nada é feito para durar, tampouco sólido. Os relacionamentos escorrem das nossas mãos por entre os dedos feito água.

Bauman tenta mostrar nossa dificuldade de comunicação afetiva, já que todos querem relacionar-se.
Entretanto, não conseguem, seja por medo ou insegurança. O autor ainda cita como exemplo um vaso de cristal, o qual à primeira queda quebra.

 As relações terminam tão rápido quanto começam, as pessoas pensam terminar com um problema cortando seus vínculos, mas o que fazem mesmo é criar problemas em cima de problemas.

É um mundo de incertezas, cada um por si. Temos relacionamentos instáveis, pois as relações humanas estão cada vez mais flexíveis. Acostumados com o mundo virtual e com a facilidade de “desconectar-se”, as pessoas não conseguem manter um relacionamento de longo prazo.

É um amor criado pela sociedade atual (modernidade líquida) para tirar-lhes a responsabilidade de relacionamentos sérios e duradouros. Pessoas estão sendo tratadas como bens de consumo, ou seja, caso haja defeito descarta-se - ou até mesmo troca-se por "versões mais atualizadas".

O romantismo do amor parece estar fora de moda, o amor verdadeiro foi banalizado, diminuído a vários tipos de experiências vividas pelas pessoas as quais se referem a estas utilizando a palavra amor. Noites descompromissadas de sexo são chamadas “fazer amor”.

Não existem mais responsabilidades de se amar, a palavra amor é usada mesmo quando as pessoas não sabem direito o seu real significado.
Ainda para tentar explicar a relações amorosas em “Amor Líquido”, Bauman fala sobre “Afinidade e Parentesco.” O parentesco seria o laço irredutível e inquebrável. É aquilo que não nos dá escolha.

 A afinidade é ao contrário do parentesco. Voluntária, esta é escolhida. Porém, e isso é importante, o objetivo da afinidade é ser como o parentesco.
Entretanto, vivendo numa sociedade de total “descartabilidade”, até as afinidades estão se tornando raras.

Bauman fala também sobre o amor próprio: o filósofo afirma que as pessoas precisam sentir que são amadas, ouvidas e amparadas. Ou precisam saber que fazem falta.

Segundo ele, ser digno de amor é algo que só o outro pode nos classificar. O que fazemos é aceitar essa classificação.

Mas, com tantas incertezas, relações sem forma - líquidas - nas quais o amor nos é negado, como teremos amor próprio?

 Os amores e as relações humanas de hoje são todos instáveis, e assim não temos certeza do que esperar. Relacionar-se é caminhar na neblina sem a certeza de nada - uma descrição poética da situação.


text : GISELI BETSY

01 maio, 2018

Aprendi a não bater de frente com quem só entende o que lhe convém !



Aprendi a não bater de frente com quem só entende o que lhe convém!


Uma das coisas mais desagradáveis que ocorrem é sermos mal-entendidos, quando o outro deturpa nossas palavras ou nossas atitudes, descontextualizando-as e utilizando-as em proveito próprio, enquanto nos coloca como o vilão da história.
 A gente acaba até ficando sem saber se nós é que não soubemos nos colocar ou se o outro é que não sabe interpretar um texto.
Infelizmente, quanto mais tentarmos provar o nosso ponto de vista, quanto mais nos explicarmos, pior ficaremos, porque quem não entende da primeira vez raramente compreenderá dali em diante.
Quem se faz de bobo e de vítima jamais será capaz de assumir seus erros, de se responsabilizar por seus atos, de se colocar no lugar de alguém. Tentar fazê-los enxergar além de seu umbigo é inútil.
Na verdade, teremos que sempre ser verdadeiros e claros, com todo mundo, pois, assim, quem nos conhece de fato e gosta de nós não se abalará com as maledicências que alguém tentar espalhar sobre nossa pessoa.
Temos que ter a tranquilidade de que vivemos de acordo com o que somos, sem dissimulações e meias verdades, para que a mentira alheia não nos atinja nunca, tampouco possa ser levada em conta por quem nos é importante.
Eu costumava bater de frente, quando entendiam errado o que eu dizia, quando maldiziam minhas atitudes. 
Hoje, não perco mais tempo tentando provar nada a ninguém, de jeito nenhum. 
O meu tempo é por demais precioso e resolvi aproveitá-lo fazendo o que eu gosto, junto com quem me faz bem.
Hoje, tenho a certeza de que muitas pessoas só entenderão aquilo que quiserem e da maneira que melhor lhes convier.
Não importa o que eu diga ou o que eu faça, muitas pessoas somente interpretarão minha vida de acordo com o nível de percepção delas mesmas, para que possam se justificar através dos erros que transferem ao mundo – segundo elas mesmas, elas nunca erram.
Não tenho muito tempo livre, portanto, não gastarei mais energia com quem não merece.
Vivamos!

Text:  Marcel Camargo

29 abril, 2018

Sintonia de Luz




SINTONIA DE LUZ

Não fique triste ou decepcionado quando alguém se afastar de teu convívio.

Isto significa que não há sintonia de energia entre vocês.

Apenas isso!
Cada um tem seus momentos de necessidades de hibernar-se intimamente.

Cada alma se aproxima de outras, quando se encontram na mesma frequência de vibração de luz.

E isto ocorre involuntariamente.

Quando teimamos em forçar a não sintonia, ocorrem os conflitos e suas consequências.

Deixe que cada alma se sinta em paz e confortável aonde deseja estar.



Text : Roberto Luiz Santos
Sabedoria de Luz
 Image : celtic Hand-fasting or tying the knot. ancient Celtic wedding tradition



22 abril, 2018

A oração é a conexão direta com o Universo !






A oração é a conexão direta com o Universo!

Por que orar se o Universo conhece todos os meus planos?

Apenas os humildes têm a coragem de pedir.
A oração que falo neste artigo não é a oração religiosa. É a conversa que devemos ter todos os dias com o Divino. É iniciar o dia e agradecer pela oportunidade de fazer diferente. É terminar o dia e agradecer por estar com saúde e ter vivenciado mais um dia neste planeta. É o ato de solicitar ajuda quando achar que o fardo está muito pesado. É o compartilhar vibrações positivas e de amor com todos os seres.
A oração vai muito além daquela que aprendemos quando pequenos. Ela é quase um sentimento.
Quando oramos com o coração, o Universo se alinha para que nossa vida se ilumine. A oração é a conexão direta com o Universo. Ao orar você está dizendo para o Universo “eu me liberto de qualquer orgulho e permito que minha vida seja guiada com a sua ajuda”. É libertador, purificante.

Oração eficaz para a Lei da Atração :

Toda oração feita com o coração é um impulso de frequência para o Universo.

Não importa qual seja o foco da oração, ela precisa ser sentida, feita com emoção.
Uma oração poderosa não tem regras. Limpe sua mente, pare por alguns minutos e respire fundo. Perceba como seus pulmões se enchem de ar, sinta o peso do seu corpo sob o chão. E então, permita-se libertar tudo o que guarda em seu peito.

Compartilhe em voz alta ou apenas em pensamento todos aqueles sonhos, mas liberte-os para acontecerem na hora que for melhor para você.
Permita-se sentir a gratidão de viver e por todas as oportunidades que estão na sua vida. Permita-se ser realmente grato por sua saúde e sua família.



Permita-se amar a si, ser grato por você e por quão forte e poderoso é.

Na minha experiência, apenas comecei a ter resultados positivos quando me abri para o Universo e compartilhei todos os planos e sonhos. Confiei que, se estava em meu coração, é porque poderia ser realidade.

Oração em conjunto
Duas pessoas vibrando a mesma frequência, com o mesmo objetivo, tem um potencial maior do que uma sozinha. Por isso, compartilhe seus planos com quem merece, compartilhe o momento da oração com quem você ama.
Permita-se acalmar sua mente e conversar com o Universo, desabafar seus desejos e medos e deixar que ele aja na sua vida da melhor forma possível.
A vida pode ser muito incrível se você se permitir e deixar que a mão Divina acompanhe seus passos.

Confie na espiritualidade e no poder que os seus pensamentos têm de atrair tudo o que deseja. Ao libertar seus desejos, você liberta a si mesmo!

Agradeço a oportunidade,
 Text : Jor. Giovanna Verone .